Capa - Para dar um up no espaço: Luminárias de parede
Publicado em fevereiro 15, 2019

Para dar um up no espaço: Luminárias de parede

Quando falamos de projeto de interiores, a iluminação é essencial, tanto para o conforto dos donos da casa quanto para amigos e familiares que visitam o espaço.

A iluminação carrega grande parte da responsabilidade de tornar os ambientes mais aconchegantes, confortáveis e convidativos. Por isso, acredite, faz toda a diferença um ambiente bem iluminado!

A iluminação pode ser encontrada de diversas formas: luminárias de led, luminárias de pvc, luminárias de mesa, luminárias de teto, luminárias de chão, luminárias para cozinha, luminárias de parede, luminárias para quarto, luminárias para sala e sala de jantar, luminárias de piso e luminárias para banheiro.

Sendo assim, é preciso conhecer melhor as propriedades e principais aplicações destas peças para arrasar nas escolhas e transformar seu espaço.

Já falamos sobre Lustres e Pendentes para Sala de Jantar, dê uma olhadinha aqui.

Neste post falaremos sobre as luminárias de parede, também comumente conhecidas como arandelas, um grande recurso da iluminação artificial que pode ser aliado também a decoração e design do seu lar.

Normalmente, ela é utilizada para fornecer luz de apoio e difusa. Ela proporciona conforto e ao mesmo tempo confere sofisticação ao espaço!

Vem com a gente?

 

O projeto:

Antes de conhecer uma infinidade de modelos de luminárias de parede, saiba que a luz natural pode e deve ser pensada para otimizar a iluminação da sua casa.

Portanto, caso esteja iniciando um projeto do zero para fazer o espaço perfeito, o planejamento da iluminação de fora deve fazer parte do momento criativo de construção da planta.

Ao contrário do comumente praticado, não deixe a etapa da iluminação para o final!

Como a luz se modifica ao longo do dia, os espaços devem ser pensados levando em conta como a luz irá transformá-lo e produzir diferentes efeitos visuais.

luminárias de parede - projeto de iluminacao

Fonte: Casa Abril

Já a luz artificial, segundo a arquiteta Leandra Luciana Lopes Costa deve ser utilizada pensando em quatro estratégias:

 

  1. A luz artificial como evidência de características arquitetônicas
    A iluminação de detalhes arquitetônicos retira a atenção do espaço, enfatizando componentes individuais.
  2. A luz artificial como definidora de zonas funcionais
    A diferenciação da iluminação nas zonas funcionais divide as áreas e melhora a orientação.
  3. A luz artificial como definidora de fronteiras espaciais
    A iluminação vinda do chão enfatiza objetos e passagens pedestres.
  4. A luz artificial como forma de conectar espaços
    A iluminação direcional permite ao espectador a noção de profundidade espacial.

As luminárias de parede possuem um forte e conciso apelo decorativo pois mantém a luz focada em espaços específicos permitindo maior claridade e garantindo também a criação de um clima especial.

Vale ressaltar que as arandelas não devem ser as únicas provedoras de luz do local e sim parte de um projeto maior.

Seu uso é recomendado para ajudar a decorar e iluminar melhor, mas não figura como única iluminação no total.

 

Tipos de Arandelas:

É possível classificar as arandelas de acordo com a maneira que se joga a luz no ambiente:

  • Arandela de luz direta

São aquelas que jogam a luz diretamente, como diz o próprio nome, por serem transparentes (geralmente de vidro), como por exemplo a Luminária de Parede Foco ou  arandelas do tipo tartaruga, muito usadas em áreas externas. E também a queridinha das decorações industriais!

Leia também: Decoração Industrial

 

  • Arandelas translúcidas – também de luz direta

Um material opaco (geralmente vidro) faz o fechamento da luminária e a luz espalha-se pelo ambiente de maneira suave e confortável.

 

  • Arandelas com cúpula

Semelhantes a um abajur, esta arandela possui uma cúpula. Dependendo do estilo, podem ser usadas na decoração de espaços retrô ou de ambientes mais formais, como escritórios.

No caso da Luminária Helms sua estrutura é produzida em madeira Jequitibá natural e cúpula em tecido linho na cor off white, fazendo um excelente casamento com espaços modernos.

  • Arandelas Uplight

luminárias de parede - arandelas uplight

Jogam a luz para o alto. São excelentes para iluminar fachadas ou criar iluminação indireta dentro de espaços internos, pois a luz será rebatida no teto.

 

  • Arandelas Downlight

Jogam a luz para baixo, lavando uma parte da parede com um facho de luz. Elas são indicadas para iluminação decorativa, gerando uma sensação de introspecção.

 

  • Arandelas com duplo efeito (para cima e para baixo)

luminárias de parede - duplo efeito

Diferentes tipos de aberturas podem criar diferentes tipos de efeitos de iluminação. Como por exemplo um facho de luz maior para baixo e um risco de luz para o alto; um facho de luz para cima e outro para baixo em igual proporção.

Neste caso, seu efeito é bem mais cênico e você poderá pensar na sensação descrita acima (nos efeitos uplight e downlight), pois será muito parecido.    

E é claro que seria possível listar aqui muitos outros tipos de arandela, pois podemos combinar diferentes aberturas e materiais, criando efeitos incríveis de iluminação. O importante a se saber mesmo é integrar os estilos ao seu ambiente, à decoração e ao seu conforto.

 

Onde inserir:

luminárias de parede - economia de espaço

Uma das grandes vantagens das arandelas é a economia de espaço, existem várias opções, sendo algumas maiores e mais espaçosas.

A escolha ficará por conta de seu espaço disponível e estilo que deseja seguir. Assim como luminárias grandes e espaçosas podem ser uma boa opção em um determinado ambiente. Certamente um local que já possui muita informação e possui um espaço escasso pede uma luminária mais discreta.

As luminárias de parede podem ser usadas como uma luz concentrada para iluminar pontos específicos.

É uma opção elegante, charmosa e discreta. Ela é uma ótima dica para iluminar caminhos, por exemplo.

Em um corredor ou uma trilha, as luminárias na parede cumprem a função de iluminar o local e ainda trazem beleza para a decoração.

Outro caso são as varandas, fachadas e entradas. Para iluminar portas e portões de maneira simples e funcional, instalar uma luminária de parede é a melhor opção.

Nesses locais, são necessárias porém luminárias com potências maiores, já que a iluminação se dispersa em ambientes externos. Por isso é importante adotar luminárias de alta eficiência para garantir que sua conta de luz não vá às alturas. Uma boa opção são as luminárias super LED, que são a evolução das luminárias LED, mas com uma eficiência energética muito maior.

Ah, uma excelente opção para quem não curte os tradicionais abajures nos quartos, é inserir arandelas ao lado da cama!

Fora os espelhos, que na maioria dos modelos não possuem luzes embutidas, uma saída prática é colocar as luminárias de parede dos lados ou em cima do objeto.

 

Como escolher:

Como (ainda bem!) não existe apenas um tipo de peça, é preciso prestar bastante atenção para não errar na escolha do modelo: tamanhos desproporcionais podem ser um desastre e “pesar” na decoração.

Também é preciso lembrar que seus móveis e o ambiente no geral devem harmonizar com os aparatos: arandelas muito rebuscadas podem não casar bem com mobiliário moderno e vice versa.

Curtiu as inspirações?

Agora é só ir no site da LIV Decora e colocar no carrinho arandelas incríveis para compor seu espaço e tornar sua casa ainda mais deslumbrante!

Acesse livdecora.com.br

 

Deixe um comentário

Ir ao topo

Quer saber de tudo sempre?

Deixe seu e-mail e receba dicas, novidades
Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com as nossas Políticas de Cookies e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições Eu aceito
LIV Decora e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.Eu aceito