Capa - Como escolher quadros decorativos
Publicado em fevereiro 18, 2022

Como escolher quadros decorativos

Pequenos detalhes em casa fazem a total diferença seja em qual for o ambiente. Apesar de muito comuns, escolher um quadrinho para dar um charme à sua sala ou quarto não é uma tarefa muito fácil e pode gerar muitas dúvidas. Afinal, como escolher quadros decorativos? Se você também não sabe, está no lugar certo!

Falando em lugar certo, o Instagram da LIV Decora é uma ótima opção para você que não quer perder tempo procurando sobre as tendências da decoração. No perfil, nós reunimos todas as novidades sobre o mundo do design de interiores para deixar a sua casa sempre moderna e sofisticada. Lá também é possível conferir os produtos e promoções de nosso site.

Dicas gerais

Depois de colocar todos os elementos principais da sala, como sofás, poltronas, rack, mesa de centro ou de canto, é importante pensar na decoração para dar mais personalidade ao ambiente e ter um destaque em certos cantinhos. Por isso, opte pelos quadros como uma opção para valorizar as paredes, seja em sua sala de estar, quarto, cozinha, área gourmet, banheiro, escada ou até mesmo corredor.

Há alguma regra?

Apesar de não ter muitas regras para a utilização dos quadros, alguns detalhes são importantes. Na hora de pendurar, é importante deixá-los no nível dos olhos, evitando que sejam colocados muito altos. Para uma pessoa com 1,70 m, por exemplo, o ideal é que ele esteja no centro de observação, que é a 1,60 m do piso.

Montando uma composição

A dica da vez é quando a escolha for realizar uma composição. É importante considerar todos eles como se fossem um único quadro, traçando uma linha horizontal e outra vertical como na imagem abaixo.

O quadro ou o conjunto não entra nesta regra? Então tem algo errado: eles não são compatíveis com o espaço que você tem! É claro que é possível descumprir essa regra, mas antes é importante analisar se o local ficará com uma boa estética e o quadro não atrapalhará em nada.

Outra possibilidade de como escolher a composição para este item decorativo é utilizar dois ou mais quadros dispostos um ao lado do outro que se complementam, formando uma figura ou frase, já que levam os olhos a os percorrerem para entender a imagem por completo.

quadro decorativo mar

Uma outra dica de como escolher quadros decorativos quando pensamos em uma composição é optar por tamanhos variados. Além disso, a maior peça maior precisa estar mais ao centro da parede e os demais ao seu redor para que o campo de visão receba uma quantidade equilibrada de informações..

Na sala de estar

Na sala, busque utilizá-los como forma de complementar o restante da decoração. Um estilo mais minimalista, por exemplo, vai muito bem com cores mais sóbrios e apresentáveis.

quadros minimalistas

Já se você gosta de um estilo mais moderno, as figuras geométricas e artes abstratas são ótimas opções.

quadro decorativo geométrico

No quarto

Tenha sempre a cama como ponto de partida. Normalmente, o quadro neste cômodo é utilizado na parte da cabeceira, mas também é possível colocá-los na parede lateral que não tenha janela ou de frente para a cama.

O mais comum é centralizá-lo junto a algum móvel, como a cama. Mas, você também pode sair do óbvio e tentar uma composição mais desconstruída, colocando-o mais a esquerda ou à direita.

quadro no quarto

Como o quarto talvez seja o local que mais traduz a personalidade de seu dono, é fundamental combinar o quadro com a decoração. Um estilo muito usado são aqueles com palavras e frases. Dependendo da fonte da letra, eles combinam praticamente com qualquer faixa etária ou estilo decorativo. Como este modelo é bem clean, é uma perfeita opção para não deixar o local muito carregado.

quarto com quadro

Na cozinha

A melhor opção para as cozinhas são aqueles temáticos, com fotos de utensílios, frases ou até mesmo desenhos de alguns alimentos. Optar por algo mais simples também deixará o seu ambiente mais sofisticado. 

Que tal usar um quadro negro igual aqueles muito comuns em restaurantes para ter uma cozinha mais descontraída e colocar recados, receitas ou o que mais você desejar? É possível ser um pouco mais ousado e aproveitar todo o espaço da parede para isso.

quadro negro

Já essa cozinha moderna explorou o artifício de utilizá-los na parede lateral do balcão. Esse é um local estratégico e que cai muito bem.

Outros cômodos

Sabe aquele corredor que está sem graça ou o banheiro que falta um “tchan”? Os quadros podem ser uma ótima pedida! Principalmente aqueles que remetem à natureza, como pinturas ou fotos de flores. Mas, não se esqueça de combinar este item com o estilo de decoração do restante da casa e do ambiente.

Não tem muito espaço? Sem problemas, pois é possível aproveitar qualquer cantinho para encaixar a sua pintura, foto ou gravura.

quadro decorativo no banheiro

Em corredores com o tamanho reduzido, é importante ter um número menor de quadros, principalmente se as molduras forem muito robustas. Uma alternativa é fazer uma composição com vários deles, mas com molduras mais finas e discretas. 

Se o seu corredor for estreito, disponha-os em uma fileira única para ter uma simetria mais contemporânea no local e não passar a sensação de que o ambiente está muito cheio e atrapalhando a estética.

quadro decorativos no corredor

Além disso, a utilização de quadros neste local permite que pessoas parem para apreciar as imagens. Já se você não quiser que isso aconteça e elas somente passem sem parar, opte por usar um detalhe com papel de parede ou ainda adesivos.

Como escolher a composição dos quadros decorativos?

É possível ter várias combinações, mas atenção, pois é preciso analisar o ambiente antes de sair colocando qualquer tamanho ou modelo, já que tudo pode acabar ficando desproporcional e não combinando com o estilo do restante da decoração.

Se optar por uma composição, tenha em mente que é fundamental combinar muito bem as cores para que tudo fique harmônico.  

É possível utilizar as cores análogas, que são aquelas que estão lado a lado e têm uma semelhança de tom, contraste e nuance. Como é o caso do vermelho e do vinho, por exemplo. Além disso, você pode optar pelo uso das cores complementares, que são aquelas que estão opostas no círculo cromático, sem semelhança alguma de cor e tom. Um exemplo seria o amarelo e o roxo.

círculo cromático

E quais os tipos posso escolher?

Existem vários modelos no mercado e fica até mesmo difícil escolher qual se encaixa mais em seu ambiente. É possível encontrar quadros com paisagens, frases motivacionais, abstratos, de animais e personalidades, pinturas e uma infinidade de outras opções. Mas não há uma regra de qual escolher, pois o ideal é aquele que combina melhor com a decoração e que traduz mais a sua personalidade.

Pôsteres

Não é só aquele clássico que era muito utilizado em quartos, com imagens de atores e cantores que o pôster se trata. Hoje, é possível ter este modelo com fotos de paisagens, vistas da cidade ou algum ponto turístico. Apesar de não terem moldura, colocar uma irá deixá-lo ainda mais charmoso.

pôster paisagem

Quadros de vidro

Neste modelo, a imagem é impressa diretamente em uma placa de acrílico. Uma ideia bacana é colocar luzes ao fundo do quadro para que ele tenha um destaque na decoração, gerando um efeito muito bonito.

quadro de vidro

Telas

As telas deixarão o seu ambiente muito sofisticado e único. Principalmente porque a obra é feita por um artista e possui traços específicos que deixarão, seja qual for o local, com a sua cara e personalidade. Já pensou entrar em um uma casa e se deparar com uma obra de Van Gogh, Pablo Picasso, Tarsila do Amaral ou qualquer outro pintor super famoso?!

Além desta opção, uma boa pedida são as telas Canvas, que são feitas em tecido 100% algodão. Este estilo nada mais é do que uma impressão fotográfica, mas a sensação será de que você está vendo uma tela pintada à mão. Então, essa também é uma alternativa para as telas tradicionais, mas sem perder a sofisticação e modernidade do ambiente. 

pintura em tela

Porta rolhas e tampinhas

Essa é a opção ideal principalmente para sua área gourmet. Além de ser uma excelente opção decorativa para ambientes mais descontraídos, esses itens são muito mais do que isso: cada tampinha ou rolha costuma guardar uma história para quem gosta de colecioná-las.

O material mais comum é o PDF com uma tampa de vidro na parte frontal, que carrega uma frase de impacto ou algo relacionado às bebidas, normalmente para os amantes de vinho e cerveja. Ah! Se você está buscando algo único, ainda existem locais que personalizam o quadro de acordo com a sua preferência!

porta rolhas e tampinhas

Quadros decorativos com moldura x sem moldura: como escolher?

Existe uma linha muito tênue entre colocar ou não uma moldura em seu quadro. Isso porque, se você errar na escolha, a pintura pode acabar sendo desvalorizada ou tirando todo o foco dela caso o ornamento seja muito chamativo. Portanto, tenha em mente que é preciso considerar a decoração do ambiente, o estilo da pintura e quais aspectos devem ser valorizados.

As molduras douradas, por exemplo, são mais evidenciadas e dão um ar de elegância através de uma pegada vintage ao ambiente. A cor preta é uma opção mais discreta, mas que não perde nada em elegância e modernidade. Já as molduras em madeira são ótimas para quem gosta de um estilo mais rústico e está buscando versatilidade para combinar com a obra.

Na dúvida é melhor optar por uma moldura mais simples e discreta. O passe-partout (aquele fundo branco que fica em volta da obra e seguido do vidro) é uma excelente dica para destacar a pintura sem tirar nenhum foco. Apesar de combinar com qualquer estilo de decoração, este artifício não é uma boa caso a obra não possua branco entre seus elementos, pois isso não irá valorizar a composição do entorno. Nesta situação, prefira utilizar outro tom neutro que esteja presente na pintura.

passe-partout

Ah! A madeira clara é uma escolha certeira principalmente em ambientes escandinavos (confira aqui tudo sobre esse estilo).

Qual a melhor forma de utilização?

Que tal sair da clássica utilização de quadros na parede? Você pode inovar e criar um ambiente único colocando este elemento de outras formas. Nos dias atuais, uma utilização comum para este objeto decorativo é somente apoiado na parede, em prateleiras e aparadores. Mas cuidado, pois é importante que esses locais não tenham muita circulação, pois eles podem acabar caindo.

quadro apoiado

Utilize os quadros sobrepostos para criar uma pegada mais descontraída quando a ideia é evitar furar as paredes e apenas apoiá-los em alguma superfície.

Uma dica que está na moda é utilizar quadros com desenhos de plantas e combinar com a decoração do ambiente, colocando vasos para trazer um pouco da natureza. Com isso, você terá um local no estilo Urban Jungle, que você pode conferir tudo sobre ele clicando aqui.

E aí, agora já sabe como escolher quadros decorativos para cada ambiente de sua casa? Então clique aqui edá uma conferida no site da LIV Decora em todos os modelos modernos e elegantes que você encontra por lá. Aproveite também o nosso cupom de desconto “primeiracompra”!

 

Deixe um comentário

Ir ao topo

Quer saber de tudo sempre?

Deixe seu e-mail e receba dicas, novidades
Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com as nossas Políticas de Cookies e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições Eu aceito
LIV Decora e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.Eu aceito